Arquivo | outubro 2013

Você está navegando os arquivos do site por data.

171

Para ler ouvindo: Taí (Joubert de Carvalho/ Tom Zé/ Marcelo Segreto) Dizem que Kujau e Stiefel passaram semanas mergulhando as páginas do “diário de Hitler” em café. Han van Meegeren criou um processo químico com baquelite para que os exames das telas fossem consistentes com uma pintura do século 17. James Macpherson não usou nenhum […]

Flagrantes

Para ler ouvindo: Vila de meio-dia, Apanhador Só Estou no bar do seu Zé. Se o atual endereço e o antigo do Studio SP tivessem coexistido no tempo, eu teria me tornado uma alcoólatra e a professora mais improdutiva deste mundo. Um rapaz brasileiro conversa com uma gringa em alemão ao meu lado. Mais adiante […]

Memento mori

Para ler ouvindo: O Tempo, Móveis Coloniais de Acaju (porque aniversários tem que ser celebrados com músicas perfeitas) Eu cresci em um universo analógico, entre poemas copiados de grafites na parede que permaneceram incompletos ou errados durante anos, ilustrados por figuras recortadas de revistas (até hoje me lembro de um de Cassiano Ricardo: rua torta […]

Para gostar de música

Para ler ouvindo: Ruído Rosa, Pato Fu Há pouco tempo uma amiga quis a minha opinião sobre como aprender a tocar um instrumento. Deixando claro que não sou nenhuma autoridade no assunto, pelo contrário só uma estudante de música e provavelmente a pior flautista do mundo, escrevi para ela uma resposta que ficou tão longa […]

Sobre assovios, burcas e borboletas

Para ler ouvindo: Fiu Fiu, Filarmônica de Pasárgada Quando eu passo, você olha, assovia e faz fiu-fiu Todo dia, toda hora, vai pra puta que o pariu Papo tipo Ricardão, quer me pôr na sua lista Ok comigo não, come a capa da revista Na muvuca do metrô, no abuso do busão Lá no bonde, […]